Fatos Curiosos

Os 15 sabores de cervejas mais bizarros encontrados pelo mundo

A cerveja é uma das bebida mais amadas e consumidas no planeta, está presente em todas as culturas, e por isso se tornou extremamente versátil! Os cervejeiros são capazes de criar receitas variadas explorando dos ingredientes mais simples até os mais elaborados, resultando uma enorme gama de sabores, cores e aromas. O que muitas vezes não se sabe, é que alguns cervejeiros mais excêntricos e criativos, ignoram  os ingredientes usuais e criam algumas combinações pra lá de inusitadas. Confira aqui alguns dos sabores mais improváveis encontrados ao redor do mundo.

01. Cerveja de Pizza

O casal americano Tom e Athena Seefurth do estado de Illinois são os responsáveis pela criação da peculiar cerveja de pizza. Tom e Athena utilizaram tomate, orégano, manjericão, alho e muito mais para fabricar o fermentado, dando a ele um gosto característico de pizza. Segundo o casal o sabor característico de pizza surge após engolir a bebida.

02. Cerveja com Cocô de Gambá

A cerveja Dinamarquesa Mikkeller Beer Geek Brunch Weasel leva em sua preparação o café mais caro do mundo, Kopi Luwak (na Indonésia, as palavras Kopi e Luwak significam, respectivamente, café e civeta) que é proveniente das fezes de um mamífero da família dos gambás que vive na Indonésia, o Civeta. O bichinho é um tanto seletivo, pois escolhe apenas os frutos mais maduros e doces do café para se alimentar, no entanto seu organismo não digere os grãos, que são excretados junto as suas fezes, dando sabor e aroma característico aos mesmos, devido à ação das enzimas presentes no seu sistema digestivo, o que, portanto torna o café e a cerveja produzida a partir dele uma iguaria.

03. Cerveja de Wasabi

Criada nada mais nada menos do que no Japão a cerveja de Wasabi é pra lá de exótica e agrada os adoradores de raiz fortes. No Brasil já existe uma versão sendo comercializada que leva também o lúpulo japonês Sorachi Ace na preparação. Obviamente a cerveja harmoniza muito bem com sushi e sashimi.

04. Cerveja de Alga

A Kelpie Seaweed Ale produzida pela cervejaria Williams Bros Brewing também veio para agradar o paladar de quem aprecia comida japonesa.  Algas frescas produzidas de forma orgânica pela cervejaria são adicionadas a receita da bebida trazendo o sabor característico. A inspiração dessa receita vem da tradição Escocesa em utilizar algas marinhas como fertilizantes na produção de cevada.

05. Cerveja de peixe

A Tosa Kuroshio Karyudo Beer fabricada na cidade de Konan leva em sua receita o Dashi, um caldo de peixe utilizado comumente na preparação de sopas tradicionais na gastronomia japonesa. Além do Dashi que é feito á base de algas e Bonito, um peixe similar ao atum, a cerveja leva ainda farinha de arroz em sua preparação. Quem provou afirma que o fermentado realmente tem sabor de peixe.

 06. Cerveja de Bacon

Produzida pela cervejaria norte-americana Voodoo Doughnut Bacon Maple Ale, a cerveja Rogue Bacon Maple Ale leva em sua receita um dos alimentos mais amados dos americanos o bacon defumado, além dele ela leva outros 13 ingredientes em sua fórmula. Também distribuída no Brasil a bebida harmoniza muito bem com sobremesas, como rosquinhas, por exemplo, além de carne de porco, embutidos e defumados.

07. Cerveja de galo (Cock Ale)

A Cock Ale (onde cock = rooster = galo) é produzida em pequenas cervejarias na Inglaterra e leva como ingrediente principal um frango cozido, limpo e sem as vísceras. A cerveja pra lá de inusitada foi muito comum nos séculos17 e 18 na Inglaterra, e era apreciada inclusive pela nobreza britânica.

08. Cerveja de Maconha

Para que está em busca de algo mais “intenso” a Cannabia, que é produzida por uma cervejaria Alemã, é perfeita, pois leva em sua composição a adição de óleos extraídos do cânhamo (o cânhamo é a variedade da cannabis que não possui THC e muito utilizada na produção de tecidos e cosméticos) produzida de forma orgânica. No Canadá existe outra variação a Humboldt Brown, produzida a partir das sementes da maconha, onde a comercialização da mesma é permitida.

09. Cerveja com sabor de Vagina

Criada pela artista tailandesa Toi Sennhauser em 2005, a Original Pussy Beer que leva em sua composição “levedura vaginal” (de sua própria vagina) tem o intuito de homenagear as mulheres que viviam no reino da Suméria, na Mesopotâmia, defendendo a ideia de que as sumérias foram as criadoras da cerveja por volta dos anos 7000 a 4000 ac.

10. Cerveja com Viagra

Criada especialmente para homenagear a união matrimonial do Príncipe William e Kate Middleton, a cerveja BrewDog é a primeira bebida do mundo que possui a pílula azul em sua fórmula. A bebida foi batizada de “Royal Virility Performance” (em tradução livre, Performance de Virilidade Real), e a intensão do criador era entregar o fermentado para o príncipe no dia de seu casamento, garantindo assim sua performance na noite de núpcias. O rótulo apresenta os slogans “Levanta-te príncipe Willy” e “Celebre ao estilo do grande Willy”, hilário!

 

11. Cerveja de Leite

A cerveja de leite é mais uma versão do fermentado produzido na terra do sol nascente. O fazendeiro japonês Nakashibetsu (Hokkaido) que produz leite de vaca em sua propriedade se viu cansado de jogar o excedente de sua produção fora, e teve a brilhante ideia de adicionar leite a preparação de cerveja. Batizada de “Biruku” (biru + miruku), o fermentado leva 30% de leite em sua composição. Os consumidores dizem que a aparência é semelhante à da cerveja e que seu gosto é mais leve.

12. Cerveja de rapadura

Produzida pela cervejaria brasileira Colorado, a cerveja Indica leva rapadura comum em sua preparação. O doce é produzido de forma artesanal no interior de São Paulo, próximo à cervejaria. A Colorado produz também a cerveja Vixnu que leva um tipo de rapadura mais tostado, o que confere um sabor mais amargo a bebida. Premiada internacionalmente a Vixnu é exportada para França e Estados Unidos, e como não há uma palavra em inglês para traduzir “rapadura” é usado no rótulo o termo “brazilian brown sugar”.

13. Cerveja de formiga

A Saison Saúva criada por brasileiros de forma artesanal leva em sua fórmula figo, tucupi negro e nada mais nada menos do que formiga saúva! Com ingredientes brasileiríssimos ela tem um sabor muito cítrico e aromático, bem característicos da formiga além de ser levemente picante e causar a leve sensação de dormência nos lábios devido à presença do tucupi.

14. Cerveja de testículo de touro

Inspirada num prato típico da região de Denver no Colorado, Ostras Rocky Mountain, como são chamados os testículos de touro fritos, a cervejaria americana Wynkoop Brewing Company, que fica na mesma região, criou para um festival de cerveja a que inclui testículos de touro fatiados e torrados. A Rocky Mountain Oyster Stout é feita ainda com sete maltes especiais, cevada torrada e lúpulo dourado, além de uma pequena dose de sal marinho, responsável por uma camada extra de sabor e textura.

15. Cerveja para cães

A Bowser Beer, cerveja criada para você compartilhar com seu pet, leva em sua formula ingredientes que não fazem mal para os cães, o que inclui carne de vaca ou de frango, glucosamina, e malte, e pode ser encontrada em três sabores diferentes, frango, carne ou um duo de frango com carne , duvido não agradar o seu amigão.

 

Fontes: Manual do mundo moderno, G1, Revista Cafeicultura, Uol, Maria Cevada, aletp.com, Exame.

Continue Lendo
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com
Close